Surya MKT Agencia de Marketing Digital Logotipo Para Menu

Benchmarking: Entenda como funciona e quais são os benefícios

Atualizado em 06/09/2021
Tempo de leitura: 3 min.

O que é benchmarking?

O benchmarking é caracterizado como uma ferramenta, que encoraja as empresas a superar seus limites e aumentar sua eficiência produtiva.

Mas como isso funciona, exatamente? No post de hoje, falaremos mais sobre este assunto. Fique conosco e continue lendo para descobrir!

Principais caraterísticas do benchmarking

Todo empreendedor sonha em ver o seu negócio prosperar de forma contínua. Por isso, muitas vezes, os gestores adotam práticas, mas não levam em consideração os parâmetros de análise de seu próprio negócio.

Por sorte, o benchmarking está se tornando cada vez mais utilizado pelas empresas, e vai muito além de um simples conceito.

Esse termo está relacionado diretamente com uma avaliação comparativa de gestão, em uma tentativa de buscar as práticas mais relevantes do mercado, para se sobrepor diante da concorrência.

Em tradução livre, o termo significa ‘ponto de referência’, e tecnicamente, pode ser definido como um processo de pesquisa para comparar os seus próprios produtos, serviços e práticas com os concorrentes.

Claro, isto não significa copiar o que eles estão fazendo, mas sim, enxergar as melhores atividades presentes no mercado, e adequá-las ao seu negócio e suas peculiaridades.

Assim sendo, podemos dizer que o benchmarking encoraja as empresas para que elas pensem além de suas limitações, e assim busquem fatores chave para aumentar sua competitividade.

Tipos de benchmarking existentes

Existem alguns tipos de benchmarking que podem ser seguidos. Destacaremos a seguir.

Benchmarking interno

Esse é um tipo de benchmarking que busca as melhores práticas para serem adotadas dentro da própria empresa, ou seja, em filiais, departamentos, matrizes, desenvolvendo assim metodologias e estratégias inovadoras.

Benchmarking competitivo

Nesse formato, o objetivo/foco é analisar de forma minuciosa as práticas dos concorrentes, visando superá-las o quanto antes. É algo difícil de ser executado, isto porque as empresas não costumam deixar informações importantes ‘vazarem’ para a concorrência.

Benchmarking funcional

No benchmarking funcional, a comparação é com o trabalho entre as empresas, por mais que esse processo comparativo seja feito entre organizações de segmentos distintos.

Benchmarking de cooperação

Neste caso, duas empresas estabelecem parceria, e compartilham informações sobre os processos. Além disso, uma delas ‘abre’ as portas de alguns processos para o aprendizado da outra.

Em geral, isso acontece quando as duas companhias possuem diferentes pontos de excelência, ou quando uma delas ajuda a outra por uma questão de prestígio.

Os benefícios do benchmarking

A principal função dos processos de benchmarking é buscar oportunidades, isto é, melhorias para a empresa através de conhecimento de mercado, e superar os concorrentes. Além disso, ele também proporciona alguns benefícios, tais como:

  • Motivação da equipe para alcançar objetivos que outras empresas já atingiram;
  • Ganhar um conhecimento maior de mercado;
  • Aprimorar processos internos e práticas, se aproximando da “perfeição”;
  • Aprender com grandes vencedores;
  • Reduzir os custos e aumentar a produtividade, ampliando a margem de lucro.

Etapas de implementação

Primeiramente, deve ser feita uma avaliação minuciosa dos processos internos. Desta forma, você conseguirá entender o que é exatamente a sua empresa, e como melhorar suas atividades.

Depois disso, você identificará as empresas de ‘excelência’, fazendo uma pesquisa inicial para conhecê-las. E assim definir os métodos e estratégias para capturar os dados.

Os próximos passos, então, serão os seguintes:

  • Analisar o mercado para conhecer as melhores práticas das empresas concorrentes, dentro do que precisará melhorar;
  • Identificar as lacunas de desempenho, como etapas de comparação, entre outros;
  • Projetar os níveis de desempenho futuro, e pensar nas metas para melhoria de processos;
  • Implementar as ações de adaptação;
  • Fazer uma reavaliação contínua das informações coletadas, sempre utilizando como base os melhores momentos.

E então, gostou de conhecer melhor o benchmarking? Já pensou em aplica-lo em sua empresa? Conte-nos nos comentários abaixo!

E compartilhe nossos conteúdos em suas redes sociais! Até o próximo post!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × três =

 | 28 / 01 / 21
Brainstorming é a reunião em grupo para o debate de ideias e soluções para um determinado problema, que pode ajudar muito uma empresa. ENTENDA MELHOR!
Ler Mais
 | 14 / 05 / 20
Muitas mulheres, mesmo após se tornarem mães, desejam trabalhar em seu próprio negócio. Confira 5 ideias de negócios para mães empreendedoras.
Ler Mais
Logo | SuryaMKT
2021 – Todos os direitos reservados – Surya MKT® Agência de Marketing Digital
magnifiercross