Entenda as funções de Front-End e Back-End

No universo do desenvolvimento de softwares existe dois termos muito comuns, que muitas pessoas, talvez, não tenham tanto conhecimento a respeito, mas que iremos explicar melhor ao longo deste artigo: Front-end e Back-end.

É possível adiantar que, em geral, o desenvolvimento de aplicativos e sites acontece justamente por essas duas camadas: a parte que pode ser visitada pelo usuário (Front-end), e a parte que não pode ser vista pelo usuário (Back-end).

Continue lendo para saber mais informações sobre ambos os termos, e como funciona cada um deles.

Front-end: o que é?

Neste exato momento, tudo o que você está vendo em sua tela, neste mesmo site, é considerado um Front-end. Front-end significa o que está à frente, ou seja, o que pode ser visualizado pelo usuário quando ele abre um site ou um aplicativo, por exemplo. Essa é uma camada que pode ser denominada também como “cliente-side” que seria ‘parte do cliente’.

Para deixar um pouco mais claro, imagine um relógio de parede, com os ponteiros, os números das horas e a moldura. Tudo isso representa o front-end do relógio. Trazendo então este mesmo raciocínio para o desenvolvimento de sites e aplicativos, toda a parte que é visível, ou que afeta essa visibilidade, é chamada de Front-end.

Por exemplo: os menus, botões, imagens, fontes e formulários fazem parte da camada que pode ser vista, portanto, englobam o Front-end.

Os profissionais que trabalham com o desenvolvimento de Front-end de um sistema também podem ser chamados de programador. E, em geral, são utilizadas três linguagens fundamentais nesse processo: HTML, CDD e Java Script.

 

E o Back-end, o que significa?

Talvez você ainda não tenha se dado conta, mas para que uma página da internet apareça da maneira como ela é apresentada, ela passou por algumas interações no Back-end para que ela chegasse ao usuário.

Portanto, o Back-end é a parte do software que roda no servidor, que pode ser chamado também de Server-side. É através dele que as regras de negócio, o acesso a um banco de dados, segurança e escalabilidade são possíveis.

Por mais que tenham algumas regras e validações, é o Back-end que garante integridade aos dados. É algo muito abstrato, ou seja, é uma camada que não pode não pode ser vista, porém, pode interagir com o usuário apresentando algo que poderá ser visto por ele. É literalmente o que acontece ao abrirmos um site.

Geralmente, os desenvolvedores que preferem se especializar apenas em Back-end, não são tão bons em deixar as páginas com um bom visual e uma boa usabilidade, mas são melhores em regras de negócio, banco de dados e tudo o que está por trás de um servidor.

O que acharam das diferenças entre Front-end e Back-end? Deixe seu comentário ao final deste post.

melhore-sua-autoridade-na-internet-para-medicos
Web Hosting
analise-gratuida-de-marketing-digital

Entre em Contato

agsdi-whatsapp

Onde estamos

R. Alvarenga, 1600 - sala 3 - Butantã
CEP: 05509-004 | São Paulo/SP

Fale conosco

(11) 3783-0711
(11) 9 7126-6750

× Fale conosco