Surya MKT Agencia de Marketing Digital Logotipo Para Menu

Publicidade médica: o que muda com as novas atualizações do CFM?

Atualizado em 13/09/2023
Tempo de leitura: 3 min.

Ao longo do tempo, a divulgação foi se tornando importante para os mais diversos segmentos. E com a medicina não foi diferente, considerando que a publicidade médica é fundamental para que o trabalho de uma clínica ou profissional seja reconhecido.

Mas, quando se trata de publicidade na área médica, existem questões éticas fiscalizadas pelo Conselho Federal de Medicina (CFM). A boa notícia é que há uma nova atualização e esse é o assunto do post de hoje. Acompanhe a seguir!

O que é publicidade médica?

A publicidade médica é voltada para a promoção de serviços médicos hospitalares, clínicas, profissionais ou produtos relacionados à saúde. Seu principal objetivo é informar e orientar a população, se distanciando bastante da publicidade com foco em vendas ou ações comerciais.  

É uma área regulamentada, uma vez que envolve informações específicas e que pode influenciar as pessoas sobre os cuidados com a própria saúde.

Quais as regras para a publicidade médica?

Antes de falarmos sobre a atualização realizada pelo CFM, vamos explicar sobre as principais regras para a divulgação de um profissional na área médica. 

Primeiro, é necessário entender que, atualmente, é cada vez mais importante se comunicar bem com as pessoas. E isso também deve acontecer na medicina, de modo que as informações sejam transmitidas de maneira ética e correta

Assim sendo, foi criada a Resolução CFM 1974/11, uma norma que abrange regras para a publicidade médica, como uma forma de impedir que exista sensacionalismo, autopromoção ou mercantilização do trabalho de um médico. 

Basicamente, o objetivo é que a publicidade seja feita de maneira informativa e educativa, focando no esclarecimento correto de doenças e questões de saúde, com base em conteúdos científicos e comprovados. Dito isso, de acordo com a resolução do CFM antes de sua atualização, não era possível:

  • Divulgar fotos do antes e depois de pacientes;
  • Imagens em sala de cirurgia;
  • Divulgar preço, descontos ou condições especiais;
  • Realizar a autopromoção na divulgação dos equipamentos;
  • Difamar outros profissionais.

Vale lembrar que, em caso de descumprimento das regras estabelecidas pelo CFM e pelo Código de Ética Médica, os profissionais podem ser submetidos a alguma punição de acordo com a gravidade da infração cometida.

Novas atualizações para a publicidade médica

Após mais de três anos em processo, quatro webinários e opiniões das sociedades médicas, o plenário do Conselho Federal de Medicina (CFM) atualizou as regras para a publicidade médica, que passam a valer a partir de 13 de setembro de 2023.

Com essas novas atualizações, será permitido que o médico divulgue o seu trabalho em redes sociais, realize a publicidade de equipamentos disponibilizados para o seu local de trabalho e utilize para fins educativos, imagens de pacientes ou banco de fotos.

Pela nova Resolução CFM nº 2.336/23, a imagem precisa estar relacionada com a especialidade do médico e acompanhada por um texto explicativo. Além disso, a imagem não poderá ser manipulada ou melhorada e o paciente não deve ser identificado

Em caso de demonstração do antes e depois, as fotos deverão ser apresentadas junto de imagens que contenham evoluções satisfatórias, indicações e até mesmo, possíveis complicações

E claro, sempre que possível deve ser mostrado o tratamento e suas perspectivas, bem como a sua evolução, sendo ela imediata ou não.

Outra mudança concretizada é a permissão para que os preços de consultas e campanhas promocionais sejam divulgados. Desta forma, será promovido aos pacientes um cenário mais transparente, facilitando o acesso de todos às informações sobre os serviços médicos. 

Também podemos destacar entre as novas atualizações a autorização da captura de imagens por terceiros, somente em partos. Os médicos poderão gravar os procedimentos e utilizá-los para divulgação, se houver a autorização do paciente e mantendo o anonimato do mesmo.

E claro, as agências de marketing com foco em marketing médico também precisam estar por dentro da nova resolução do CFM.

Por isso, a Surya Marketing se mantém sempre atualizada sobre as questões éticas relacionadas aos profissionais da área médica.

Agora conte-nos o que achou dessa atualização? Conhece alguém que precisa dessas informações? Compartilhe o conteúdo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 × quatro =

 | 07 / 03 / 24
Naming Rights refere-se ao patrocínio de empresas, que pagam para terem seus nomes associados a estádios, arenas, eventos esportivos, entre outros. Entenda o impacto da estratégia!
Ler Mais
 | 15 / 02 / 24
O marketing médico envolve ações para atrair positivamente os pacientes, utilizando gatilhos mentais nas estratégias. Confira 4 gatilhos que podem ajudar nessa tarefa!
Ler Mais
1 2 3 18
Logo | SuryaMKT
2024 – Todos os direitos reservados – Surya MKT® Agência de Marketing Digital
magnifiercross